Como É Voar Na Executiva Da Latam Para Paris

4/22/2020

Em julho de 2019, em minha viagem à Europa, tive a oportunidade de voar na classe executiva do A350 da Latam no voo LA 8180 com destino à Paris, França. Durante o voo tirei várias fotos e prestei atenção aos mínimos detalhes para compartilhar minha experiência com vocês aqui nesse post.



Check-in e despacho de bagagens

Realizei o meu check-in no site da companhia aérea logo que foi aberto, cerca de 48 horas antes do voo. Foi super rápido e fácil. Chegando no aeroporto restando apenas despachar as minhas malas, pudia optar entre as filas do despacho de bagagens (para quem já fez o check-in), da business class e da prioridade Platinum e Gold (status dos passageiros frequentes da Latam). Fui nessa última e, confesso, não foi uma boa escolha. Levei cerca de 40 minutos para ser atendido, uma vez que tinha muita gente para poucos funcionários nos guichês que atendiam à essa fila. Isso deve ser melhorado, principalmente na parte da noite, quando a maioria dos voos internacionais partem.

Sala Vip

Após despachar as malas, o próximo destino era a Sala Vip da Latam (localizada no segundo andar do Terminal 3 do Aeroporto de Guarulhos). Chegando lá, já é possível ter uma prévia do que estar por vir no voo. O atendimento já conta com mais exclusividade, as comidas e as bebidas são à vontade, e há vários ambientes para se sentar, ou até mesmo deitar, enquanto aguarda o voo. Próximo ao bar há um mix de nuts para se servir, o mesmo que é servido na executiva dos aviões da Latam. Ao se aproximar do horário do embarque dos voos, um funcionário da companhia anúncia, pelo auto falante da Sala Vip, o número do voo que está prestes a iniciar o embarque. É hora de ir.



Embarque

O embarque foi um pouco atrapalhado, parece que não houve uma divisão muito correta entre os grupos de embarque, o que deixou todo mundo confuso, mas nada que atrapalhasse a experiência, afinal, o melhor ainda estava por vir. Ao embarcar no avião, fui acompanhado por uma aeromoça até o meu assento, o 2D, e já fui recebido com o mix de nuts e uma bebida à minha escolha, que na ocasião foi água. Pouco antes de decolarmos, a comissária responsável pelo meu corredor, após se apresentar, tirou o meu pedido para o jantar e perguntou se eu gostaria de ser acordado para o café da manhã. Além disso, ela recolhe o papel em que assinalamos as nossas opções para essa refeição que é servida pouco antes de pousarmos.


Jantar e Café da Manhã

Minhas expectativas para as refeições estavam altas, e elas foram correspondidas! Logo depois do avião se estabilizar no ar, o serviço de bordo é iniciado. A comissária vai até o assento de cada passageiro, abre a mesa e coloca um pano branco sobre ela. Depois ela passa com o carrinho entregando a refeição que foi pedida por cada passageiro e as bebidas, cujas opções são vinhos, cervejas, sucos, refrigerantes e água. 




Para o jantar, optei pela costela com lasanha de berinjela. A carne estava bem macia e a lasanha, muito saborosa. A salada e a sobremesa também seguiram essa linha positiva. Aqui destaco dois pontos negativos, mas que não são muito graves: o primeiro é que, para ser um serviço um pouco mais expresso (algo que julgo desnecessário para uma executiva com poucos passageiros), a entrada, o prato principal e a sobremesa são servidos todos juntos na mesma bandeja, o que deixa tudo meio apertado. Outras companhias fazem esse serviço de uma maneira que acho melhor, dando um passo de cada vez. O segundo problema é que os pães, que são oferecidos juntos às refeições, não tem um lugar específico para ficar na bandeja, e, por isso, acabam ficando meio jogados. Mas tirando isso, estava tudo muito saboroso. Após retirar a bandeja, são oferecidos digestivos como café, chá e vinho do porto.



Cerca de 1h30 antes do pouso no Aeroporto Charles de Gaulle, a aeromoça me acordou para que o café da manha pudesse ser servido. Eu pedi uma omelete, frutas e, ao me entregar a bandeja, a comissária me ofereceu mais pão. Para acompanhar o pão, havia manteiga e uma geleia. Para já entrar no clima da França, pedi um croissant. Como opção de bebida, havia café, chá, suco e água - optei por essas duas últimas duas opções. Tudo muito saboroso.


Assento e entretenimento 

Ao chegar na poltrona, há uma garrafa de água e uma necessaire no compartimento lateral, e um pacote com o travesseiro, edredom e o duvet/futon, que serve para forrar a poltrona, oferendo um maior conforto, já que impede que as dobras da poltrona sejam sentidas. Na frente do assento há um compartimento para deixar os sapatos durante o voo. Ao lado do assento há um tomada, uma entrada USB e a entrada para o fone do avião (com dois pinos).



O entretenimento da Latam é igual independentemente da classe. O que muda mesmo é o tamanho da tela individual, que na executiva é bem maior. Todas as telas são sensíveis ao toque, no entanto, na executiva, devido ao espaço entre a poltrona e a tela, há um controle que facilita o manuseio no entrtenimento. Há um catálogo enorme de filmes, séries e programas de TV, além de vários álbuns musicais, o mapa para acompanhar o caminho do avião, e algo que eu acho muito legal, especialmente para a decolagem e pouso: é possível ver imagens feitas por câmeras que estão no bico, na parte de baixo e detrás do avião. 


Serviço de bordo

O atendimento foi um dos pontos mais fortes de toda essa viagem, desde o momento do despacho de bagagem, até a saída do avião. As comissárias da cabine sempre faziam o que era necessário para trazer maior conforto aos passageiros, além de sempre carregarem um carisma, conversando com todos, dando maior confiança ao trabalho prestado por elas. Em um momento do voo precisei pegar uma bolsa que estava na minha mochila no compartimento de bagagens que ficam acima do assento, mas por conta de algumas turbulências que pegamos no caminho, minha mochila acabou indo muito para o fundo. Ao ver que eu não estava conseguindo pegar, uma comissária prontamente me ajudou, usando um espaço que tem na lateral da poltrona para apoiar o pé e pegando a mochila para mim. Achei isso muito bom, mostrou que elas estão sempre atentas.

Conclusão

Minhas expectativas foram atendidas e até superadas nesse voo. Não percebi nenhum erro significativo, nem por parte das comissárias, nem por parte da manutenção e limpeza da aeronave. O cuidado oferecido pelas aeromoças e o conforto disponível na cabine são responsáveis por, mesmo depois de mais de 11 horas de voo, chegarmos dispostos para curtir o dia em Paris. Até um próxima! 


Você também vai gostar

0 comentários